COMUNICADO DE IMPRENSA


A ANPPAT - Associação Nacional dos Parceiros das Plataformas Alternativas de Transportes vem pelo presente fazer o seguinte COMUNICADO:


Na passada 6ª feira, dia 7 de Julho, o IMT resolveu efectuar em conjunto com a PSP de Trânsito uma operação contra os Ubers e Cabify.
 
Operação igualmente realizada no dia 6 de Julho, mas junto ao Vela Latina em Belém durante a hora de Jantar.
 
Por volta das 00h fecharam a marginal de Algés junto ao viaduto de Alges, em ambos os sentidos, para quem vinha de Belém e para quem vinha de Oeiras, ou para quem sai de Algés em direcção a Belém!
Esta operação durou até ás 02,30h da manha!
 
Criando a confusão e o caos ao nível de trânsito em Algés, e ao nível de escoamento de pessoas que estavam a sair do Concerto NOS ALIVE!

Criando uma situação perigosa, pois se houvesse um atentado, não haveria fuga possível!

Mostrando aos 170 mil espectadores que estiveram no NOS Alive que o principal interesse do IMT e da PSP trânsito não é a segurança das pessoas, mas sim o lobby que parece existir dentro do IMT que já não consegue disfarçar e é de tal maneira flagrante, que todos os dias há OS no aeroporto em perseguição directa á Uber e Cabify, importunando os passageiros perguntado-lhes directamente se vieram de Uber ou Cabify!!!!!  
 
Mostrando ao mundo, pois estavam 70 nacionalidades representadas no público que o NOS A recebeu nesses 3 dias, a vergonha das nossas instituições que não sabem interpretar a lei, que descaradamente perseguem Empresários /Condutores honestos, que pagam os seus impostos em Portugal e sustentando várias famílias, e que contribuíram para a diminuição da taxa de desemprego?!
 
O irónico também e tal como diz Álvaro Covões "é que a Cabify é uma das parceiras do festival este ano. “Ai estão? Este país às vezes parecem dois países”, lamenta o director do festival. “Se isso é verdade, a oportunidade é muito bem escolhida, porque nós fazemos um esforço titânico para pôr Portugal no mapa, trazemos cá 118 jornalistas estrangeiros e 22 mil estrangeiros, ajudamos a vender Portugal lá fora e se o IMT decidiu fazer uma acção destas nestes dias, eu devia dar os parabéns porque vamos no caminho certo”, ironizou.""
 
 
Dando uma imagem vergonhosa de Portugal!
 
 
 
Perguntamos:
 
Porquê que o IMT continua a fazer perseguição voraz á UBER e Cabify, todos os dias no aeroporto?
 
Porquê que após a legislação ter sido aprovada com maioria na AR, aguardando apenas a votação na especialidade e saída em DR......as operações se intensificaram?
 
Porquê, se o sector que está prestes a ser regulamentado, sofre continuas perseguições descaradas por parte do IMT?
 
Porquê que teimam em considera-nos táxi, se nos não o somos tal como já está na Lei?
 
Porquê da enorme incapacidade do IMT em não saber interpretar a lei???


-- 

    Atentamente


       João Pica

Presidente da Associação


11 julho 2017